quinta-feira, 9 de junho de 2016

Governo do Estado inaugura mais um núcleo para atender crianças com microcefalia‏

A vice-governadora, Izolda Cela, e a primeira-dama do Estado, Onélia Leite, inauguraram nesta quinta (9), espaço de atendimento especializado na policlínica em Sobral

Nesta quinta-feira (9), a vice-governadora do Ceará, Izolda Cela, e a primeira-dama do Estado, Onélia Leite, acompanhadas da secretária executiva da Saúde do Estado, Lilian Amorim, inauguraram mais um Núcleo de Estimulação Precoce para tratamento de crianças com distúrbios neuropsicomotores. Atendendo a 24 municípios da Região de Saúde de Sobral, a policlínica regional em Sobral garante o atendimento especializado a crianças de 0 a 3 anos de idade, com diagnóstico de microcefalia, síndrome de down, paralisia cerebral, entre outras doenças neurológicas. 

"Toda criança quando nasce precisa de cuidados, de estimulação. Esse serviço trata disso, de garantir que as famílias tenham um lugar para trazer e tratar seus filhos", declarou a vice-governadora. Izolda Cela destacou também a importância da parceria entre Estado e municípios, do trabalho integrado entre gestores e profissionais da saúde e da articulação entre instituições como Unicef e Universidade Federal do Ceará para a implantação dos Núcleos de Estimulação Precoce nas policlínicas.

A primeira-dama do Estado, Onélia Leite Santana, ressaltou a estratégia da descentralização dos serviços de saúde como qualidade no atendimento à população. "É isso que a gente quer, garantir o direito das nossas crianças se desenvolverem bem e perto da família delas. A ideia é implantar o Núcleo de Estimulação Precoce em todas as policlínicas. Inicialmente, nós já estamos com 10 implantados", disse. De acordo com a secretária executiva da Saúde do Estado, Lilian Amorim, o núcleo é mais um progresso para os serviços nas policlínicas. “A saúde tem essa dinamicidade que a gente precisa ficar atento. E o Governo do Estado está dando um grande passo ao implantar esse serviço em todas as policlínicas, melhorando o acesso às crianças”, afirmou. A diretora da Policlínica Regional de Sobral, Andreia Silveira, destacou a valorização do sistema de saúde público no interior. Segundo ela, “a expansão do cuidado especializado no interior do Ceará deu um grande salto no que diz respeito aos princípios do SUS, mas sobretudo no que diz respeito à garantia do acesso”.

Para o coordenador do escritório do Unicef – Regiões CE/ PI/ RN, Rui Aguiar, presente na solenidade, a iniciativa reforça o direito universal que toda criança tem à saúde. “É um orgulho imenso. Essas crianças têm o direito de ter toda a atenção. Aquilo que a gente desenvolve nos primeiros mil dias de vida tem um efeito duradouro. É pra isso que a gente queria chamar a atenção das famílias, para que nesses primeiros mil dias da criança, elas façam um tremendo esforço para estarem juntas, se organizar e trazer as crianças para policlínica para que sejam atendidas e recebam esta atenção de mais de 10 profissionais que vão estar aqui dedicados a essas crianças", enfatizou.

Atualmente, 19 crianças fazem tratamento e são acompanhadas pela equipe multiprofissional do Núcleo de Estimulação Precoce da policlínica regional em Sobral. Dessas, 13 têm diagnóstico de microcefalia. É o caso do pequeno Miguel Artur, de quatro meses, do município de Marco. Com dois meses de gestação, Maria Jaine do Nascimento, 20 anos, teve zika e aos oito meses, ela soube que Miguel nasceria com microcefalia. "Foi um choque muito grande, coração muito angustiado", disse. Após o nascimento, Miguel foi encaminhado para iniciar o tratamento no Hospital Infantil Albert Sabin, da rede pública do Governo do Estado, em Fortaleza. Agora, com o Núcleo de Estimulação Precoce na Policlínica Regional de Sobral, mãe e filho passam a ter atendimento especializado próximo de casa. "Hoje estou muito feliz, me sinto mais segura", contou Maria Jaine.

Para Maria Inês Mesquita Diniz, 33 anos, não é diferente. Moradora do município de Varjota, ela comemora a inauguração do núcleo de estimulação em Sobral, pois a localização facilita o acesso para dar continuidade ao tratamento do filho Yuri Diniz Fonseca, de 5 meses, que também era atendido no Albert Sabin. "Ótima iniciativa do Governo do Estado. Agradeço a eles porque hoje a gente tem como garantir o desenvolvimento dos nossos filhos", ressaltou. Quando estava grávida de seis meses, Maria Inês contraiu zika. A doença fez com que ela se preparasse para a possibilidade de o filho nascer com microcefalia. "Eu não tive impacto. Eu já estava preparada psicologicamente porque tive zika. Ele nasceu com 31,5 cm de perímetro cefálico", explicou. Para ela, o estímulo precoce tem garantido melhor qualidade de vida para a criança. "Ele está desenvolvendo a parte motora. Agora está pegando bem os objetos, abrindo as mãozinhas e até dando pulinhos", comemorou.

O Núcleo de Estimulação Precoce na policlínica regional em Sobral está na 11ª Região de Saúde e engloba os municípios de Sobral, Alcântaras, Cariré, Catunda, Coreaú, Forquilha, Frecheirinha, Graça, Groaíras, Hidrolândia, Irauçuba, Ipu, Massapê, Meruoca, Moraújo, Mucambo, Pacujá, Pires Ferreira, Reriutaba, Santana do Acaraú, Santa Quitéria, Senador Sá, Uruoca e Varjota. Dez Núcleos de Estimulação Precoce já foram implantados pelo Governo do Estado em 2016. As policlínicas que já estão com o serviço implantado e em atendimento são: Caucaia, Barbalha, Russas, Sobral, Baturité, Camocim, Tianguá, Crateús, Limoeiro e Pacajus. O serviço funciona nas policlínicas regionais do Ceará com equipe multidisciplinar formada por fonoaudiólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, psicólogo e pediatra ou neuropediatra.

A criação dos Núcleos de Estimulação Precoce nas policlínicas do Estado foi articulada pela primeira-dama do Ceará, Onélia Leite Santana. A iniciativa é uma parceria do Governo do Estado, do Núcleo de Tratamento e Estimulação Precoce (Nutep), programa de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC), e dos municípios. O Nutep capacita e acompanha o atendimento dos profissionais durante este ano. Além de Sobral, os Núcleos de Barbalha, Caucaia e Acaraú já foram inaugurados. 

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá / Helga Rackel ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
Fotos: Marcos Studart / Governo do Ceará Clicando Mais Fotos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário