segunda-feira, 16 de maio de 2016

Cadastro Ambiental Rural já incluiu mais de 80% de toda a área mapeada do país

DSC00980Nordeste ainda tem o menor percentual de hectare cadastrado. (Foto: José Avelino Neto). (Foto: José Avelino Neto).

Banabuiú. Até o último dia cinco de maio, o Cadastro Ambiental Rural (CAR), já cadastrou 3.26 milhões de imóveis rurais, totalizando uma área de 352.417.041 hectares inseridos na base de dados do sistema. O número representa 81,% de todo o percentual de área passível de ser cadastrada no País.

Em toda a região Nordeste, do total de 76 milhões de hectares de terras a serem cadastradas, 45,2 milhões de hectares já haviam sido inclusos no sistema, o que corresponde a um total de 59% de área já mapeada. Em comparação com abril, este número é 16% maior.

Em comparação com as demais regiões, o nordeste encontra-se em último lugar na porcentagem de imóveis e terrenos já cadastrados. Em primeiro, está a região Norte, que já tem mai de 100% de área inserida no CAR, seguida pela região Sudeste (80,9%), Centro-Oeste (78,8%) e Sul (64%).

Até o mês passado, conforme a diretoria florestal da Secretaria de Meio Ambiente do Ceará (Semace), em todo o estado as regiões do Cariri, Sertão Central e Maciço de Baturité, são as que mais buscaram treinamento e atendimento presencial por parte da secretaria.

Segundo boletim do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), até o último dia 31 de março, 31.755 imóveis já haviam sido cadastrados no Ceará. Em área, os números correspondem a 28,63% do total a ser inserido no CAR.

O prazo de registro no Cadastro Ambiental Rural (CAR) para produtores rurais com até quatro módulos agrícolas, foi prorrogado por mais um ano. Com o novo prazo, os pequenos agricultores tem até o dia cinco de maio de 2017.

A prorrogação vale apenas para as propriedades ou posses rurais com menos de quatro módulos fiscais, unidade de medida que varia de acordo com o município do país, indo de 5 a 110 hectares.
Diário Sertão Central.

Nenhum comentário:

Postar um comentário