terça-feira, 12 de abril de 2016

Semace, Cogerh e BPMA apreendem quase dois km de redes de pesca em Coreaú

Assinatura coornenadoria matériasAções de fiscalização ambiental e de recursos hídricos estão sendo realizadas pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e pelo Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA). Em operação promovida sexta-feira (8), no açude Várzea da Volta, no município de Coreaú, as equipes apreenderam cerca de dois km de malha de rede que estavam dentro da água. O grupo soltou os peixes presos e conversou com populares a respeito da necessidade de se preservar o período de defeso.

Segundo o diretor Regional da Semace em Sobral, Ulisses Costa, nenhum responsável pelo material foi identificado no ato da fiscalização. Além de recolher as redes, “foi informado que a pesca de batido é proibida, em função de ocorrer degradação da qualidade da água pelo aumento da turbidez, considerando que o açude é usado para abastecimento humano”, disse Costa.

Período de defeso - O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) publicou em 2008 a portaria nº 4, que proíbe no período de 1º de fevereiro a 30 de abril a captura com o uso de quaisquer petrechos com malha, o transporte, o armazenamento, a conservação, o beneficiamento, a industrialização e a comercialização dos peixes de piracema e de outras espécies de peixes, no estado do Ceará, nas bacias hidrográficas dos rios Acaraú, Banabuiú, Coreaú, Curu, Jaguaribe, Poti (sub-bacia do rio Parnaíba) e Salgado, assim como nas águas continentais das bacias Metropolitanas e do Litoral.

O documento listou como as principais espécies de peixes de piracema ocorrentes no estado do Ceará a branquinha/beiru (Curimata Walbaum), curimatã comum (Prochilodus cearensis), piaba/lambari (Astyanax Baird & Girard, Tetragonopterus Cuvier), piau comum (Schizodon fasciatus), piau verdadeiro (Leporinus elongatus), sardinha (Triportheus angulatus) e tambaqui (Colossoma macropomum).

Fhilipe Augusto - Assessor de Imprensa da Semace
(85) 3101-5554/ 98605-9501

Nenhum comentário:

Postar um comentário