terça-feira, 2 de junho de 2015

Projeto de Eunício Oliveira incentiva dessanilização de água

Como mais uma alternativa para a obtenção de água potável, a dessalinização de águas do mar e de águas salobras tornou-se uma opção viável com o desenvolvimento de tecnologias de purificação das águas. O senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) propõe através do PLS 259/15 que a legislação brasileira, que trata do saneamento básico, incorpore o incentivo a projetos de dessalinização de água, em especial para a região do semi-árido nordestino onde já existe tecnologia nacional para filtrar água salgada e água salobra. O objetivo é tornar essa água própria para o consumo humano.

O projeto estabelece incentivos fiscais às empresas que comprarem equipamentos de dessalinização e construírem usinas de tratamento de águas salgadas.

Eunício acredita que com o incentivo, estados e municípios terão mais condições de agilizar esses projetos e apresentar resultados satisfatórios como em localidades que já usam essa tecnologia, como Dubai, nos Emirados Árabes Unidos e Israel. “A água consumida numa cidade imensa como Dubai hoje é dessalinizada. É água do mar. A minha região, a região do Ceará, você tem bastante água no subsolo. O grande problema é que ela é uma água salobra. Coloca uma máquina dessalinizadora e essa máquina pega a água, ela dessaliniza a água, fica a água potável”, observou.

No caso da água salobra nordestina, a água salgada que sobra é servida ao gado, que tem necessidade de consumir sal. Em Israel e Dubai são usados equipamentos de dessalinização instalados no mar, filtrando a água e bombeando-a para o continente. O PLS 259 está na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, onde aguarda a designação de relator.
Mais informações: www.eunicio.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário